Quantas vezes você já se cobrou demais por alguma coisa? Seja uma entrega no trabalho, um objetivo profissional ou até mesmo algum problema dentro de casa. A autocobrança é um mecanismo que consiste na exigência excessiva com nós mesmos.

Saiba as consequências da autocobrança
Saiba o que é e como evitar a autocobrança

Hoje em dia, com a tecnologia em ascensão e o mundo cada vez mais conectado, temos um imediatismo para tudo. Recebemos diversas informações muito rápido, estamos a apenas alguns cliques de distância de qualquer pessoa do mundo todo e as redes sociais passam uma falsa ideia de perfeição inalcançável. 

Todos esses fatores contribuem para que a ansiedade e o estresse fiquem cada dia maiores. E os canais sociais fazem com que a comparação com outras pessoas seja quase inevitável, o que pode gerar problemas sérios de autocobrança. 

Quer saber mais sobre este assunto? Continue a leitura! 

O que é autocobrança? 

Quantas vezes você se deparou com o pensamento de que “tinha que” fazer algo senão tudo ia desandar? E, muitas vezes, nem era uma tarefa tão importante assim.

O dia a dia de cada um já é cheio de cobranças. Seja no trabalho, na vida social, em casa com a família… Existem diversos âmbitos da nossa vida que exigem uma atenção maior, e lidar com essa pressão externa já mexe com o nosso psicológico. 

Além dessa tensão que vem de fora, nós mesmos colocamos metas, expectativas e cobranças em nossas atitudes, o que faz com que todo o problema se torne ainda maior, porque os fatores externos e internos se unificam. 

A autocobrança é exatamente isso: um sentimento constante de angústia e insatisfação com os próprios resultados. Além de subestimar as conquistas, o indivíduo fica em um estado constante de tensão e realiza uma análise minuciosa de cada atitude que ele pode tomar no dia a dia. 

Quando não tratada e controlada, a autocobrança pode se tornar um problema psicológico sério, e inclusive ser acompanhada de outras doenças como depressão e ansiedade

Além disso, a comparação com outras pessoas ou até mesmo com o próprio indivíduo em outras épocas se torna uma constante na rotina. 

As pessoas que sofrem com a autocobrança se pegam pensando constantemente que as entregas, as vitórias e conquistas dos outros são melhores e mais significativas do que as próprias. 

Ou, o que pode ser ainda pior: eles se comparam com si mesmos em outras épocas da vida. Pensam que meses ou anos atrás eram mais produtivos, mais ágeis e mais rápidos e que atualmente não conseguem voltar para esse estado. 

Esses pensamentos, além de serem autodepreciativos, podem levar a um estado constante de apatia, o que aumenta ainda mais a cobrança interna e pode deixá-la quase insuportável, resultando em um estado de baixa autoestima que pode demorar para passar. 

Como a autocobrança é desenvolvida?

Saiba como a autocobrança é desenvolvida
A autocobrança pode ser desenvolvida a partir de diversos gatilhos emocionais

Muitas pessoas acham que a autocobrança é uma prática saudável. Afinal, sempre queremos obter os melhores resultados, certo? Porém, o que acontece quando um erro é cometido ou algum fator fora do seu controle atrapalha um planejamento?

As pessoas que sofrem com a autocobrança já começam a pensar o pior de si mesmas. Porque o perfeccionismo está diretamente relacionado com essa prática, ou seja, o indivíduo se cobra demais porque vive em uma busca constante por uma perfeição que não existe. 

Esses pensamentos negativos frequentes são involuntários e não existe uma forma imediata de controlá-los. Com isso, eles ficam cada vez mais constantes, gerando nas pessoas um sentimento de insuficiência e não merecimento das próprias conquistas. 

A autocobrança está ligada também com a síndrome da impostora, ou seja, a pessoa se cobra demais para obter um resultado e, quando consegue, não se sente merecedora dele. Essas práticas geram um ciclo vicioso de sentimentos conturbados que só cessam com terapia e acompanhamento profissional. 

A autocobrança pode impedir a pessoa de evoluir e ser uma pessoa cada vez melhor, além de levar diversas consequências para o dia a dia. 

Quais as consequências da autocobrança? 

A autocobrança pode levar a uma série de consequências para o dia a dia de cada um. Além de afetar a autoestima, esse hábito também pode resultar em problemas sérios e permanentes, como: 

  • Autossabotagem; 
  • Falta de autoestima; 
  • Procrastinação; 
  • Ansiedade; 
  • Estresse constante; 
  • Depressão; 
  • Entre outros.

Como evitar a autocobrança? 

Quando não controlada, a autocobrança pode levar a problemas sérios para a saúde mental do indivíduo. Por isso, é preciso tomar algumas atitudes para que a qualidade de vida não seja tão afetada por esse mal, como: 

Estabeleça metas possíveis 

Quando você estabelece uma meta muito alta para si mesmo, você afeta o seu equilíbrio emocional e pode gerar uma frustração quando por algum motivo não consegue cumpri-las. Por isso, planeje um dia de cada vez e tenha em mente o que você consegue realmente entregar nesse meio tempo. 

Evite comparações 

Cada pessoa possui uma história de vida, aprendizados e conquistas diferentes. Além disso, cada um tem uma jornada diferente e está no seu próprio tempo. Por isso, se comparar pode ser um problema para si mesmo e para os outros. 

A verdade é que não sabemos o que se passa com a outra pessoa. Você pode pensar que a vida dela é perfeita, mas no fundo ela também pode estar passando por dificuldades. Por isso, evite a comparação com os outros. Quebrar esse ciclo só vai te trazer benefícios.

Valorize as pequenas conquistas 

Valorize todas as suas conquistas, até mesmo as pequenas. Apenas o fato de você estar se esforçando para fazer todas as tarefas e tentando ser a melhor versão de si mesmo já merece reconhecimento. 

Por isso, procure ficar feliz por todas as vitórias do dia a dia, mesmo aquelas que você julga serem insignificantes. 

Faça terapia 

A melhor forma de lidar com a autocobrança é com acompanhamento profissional. Por isso, busque fazer terapia com um psicólogo para conseguir lidar melhor com seus sentimentos e com outras doenças mentais. 

A autocobrança é uma prática nociva para si mesmo, e quanto antes você cortar esse mal, mais resultados terá. 

Indique sua academia

Acompanhe a TotalPass!

Gostou desse conteúdo? Confira também nossas redes sociais (Linkedin e Instagram) e veja dicas sobre atividade física, alimentação, bem-estar, saúde mental e nutrição.  

Confira também nosso canal no YouTube! A TPTV traz conteúdos exclusivos sobre gestão de equipes, liderança, saúde mental e qualidade de vida no trabalho, receitas, treinos e muito mais.

Para conhecer mais sobre os nossos planos e as redes parceiras, clique aqui.

Baixe agora mesmo o aplicativo TotalPass no Android ou iPhone e comece a aproveitar as vantagens exclusivas. 

#FocoTotalEmVocê

Agora tudo pode, Agora é TotalPass