O que os profissionais buscam em um emprego? Naturalmente – e você entenderá o porquê daqui a pouco –, um bom salário, ambiente de trabalho adequado e oportunidades de desenvolvimento são as principais reivindicações.

É aí que entra a gestão de carreira, que tem como objetivo estruturar um plano de crescimento para os colaboradores da empresa.

Saiba por que a gestão de carreira é importante, conheça o plano de cargos e salários e como fazê-lo em três passos!

A importância da gestão de carreira

Se você é da área dos negócios, da comunicação ou da psicologia, provavelmente já ouviu falar da Pirâmide de Maslow. Ela estrutura em níveis as necessidades dos seres humanos, começando por necessidades básicas, como as fisiológicas, até chegar às mais complexas, como estima e autorrealização.

Ok, mas o que isso tem a ver com a gestão de carreira?

Tudo! Ao trazer esse conceito para o âmbito profissional, é possível entender que os colaboradores buscam, primeiramente, atender suas necessidades básicas: remuneração compatível com o mercado, ambiente de trabalho agradável, entre outras.

No entanto, eles também buscam atender as necessidades do topo da pirâmide, ou seja, querem oportunidades de crescimento para ter estima e autorrealização.

Cabe ao RH e aos líderes, com a gestão de carreira, oferecer meios para que essas necessidades sejam supridas. Do contrário, no longo prazo, o resultado serão profissionais desmotivados e perda de grandes talentos para a concorrência.

O que é plano de cargos e salários?

O plano de cargos e salários é uma das diversas ferramentas da gestão de carreira. Nesse caso, o objetivo é organizar os cargos e estabelecer salários que sejam condizentes com as responsabilidades exigidas em cada um deles.

Plano de cargos e salários e plano de carreira são a mesma coisa?

A resposta é não. Entretanto, são ferramentas complementares e estão sempre se cruzando.

Enquanto o plano de cargos e salários objetiva organizar os cargos da empresa, bem como suas respectivas responsabilidades e salários, o plano de carreira foca em demonstrar o caminho que cada colaborador deve percorrer para ser promovido.

3 passos para estruturar um plano de cargos e salários

Aprenda como fazer um plano de cargos e salários em três passos.

1. Identificar cargos e funções

Seja em uma gestão horizontal ou vertical, defina quais são os cargos de cada departamento. 

2. Estabelecer o plano salarial

Quanto mais competências e responsabilidades exigidas em um cargo, maior o salário, concorda? A partir disso, já é possível organizar as faixas salariais.

Uma boa dica é realizar pesquisas internas, para entender as expectativas dos funcionários, e também externas, analisando as remunerações oferecidas pela concorrência.

3. Apresentar o plano à equipe e formalizar

Está na hora de apresentar o plano a todos os funcionários para que expectativas sejam alinhadas e as dúvidas, esclarecidas.

Por fim, transmita tudo para um documento. Assim, tanto colaboradores novos, quanto os já contratados, poderão ler. 

Isso que é uma gestão de carreira!

Indique sua Empresa