Se você trabalha com recursos humanos ou vive em um ambiente corporativo, provavelmente já deve ter ouvido falar sobre soft skills e hard skills. Elas estão sendo cada vez mais levadas em consideração no dia a dia empresarial e são ótimas ferramentas para mapear as aptidões dos candidatos e colaboradores. Confira!

O que são, as principais diferenças e a importância das soft skills e hard skills
Soft skills e hard skills: o que são e como elas fazem a diferença

Foi-se a época em que apenas os conhecimentos técnicos e formações acadêmicas eram relevantes na hora de conseguir um emprego. Hoje em dia, muitas outras características são valorizadas nos candidatos, principalmente as que dizem respeito ao seu perfil e fit cultural.

É possível mapear o comportamento dos colaboradores por meio de mapas de competências e, além de testes técnicos, esse tipo de pesquisa está cada vez mais comum na hora de filtrar os candidatos.

Mais do que as competências técnicas, que muitas empresas já percebem que podem ser treinadas por meio de incentivos à educação, as competências comportamentais estão ganhando o seu espaço.

Entenda mais sobre o que são, as principais diferenças e a importância das soft skills e hard skills.

O que são soft skills e hard skills?

A palavra em inglês “skills” significa “habilidades” e os conceitos dizem respeito às habilidades técnicas e comportamentais dos colaboradores. Entenda o significado de cada uma.

Hard skills

O que são hard skills?
O que são hard skills?

As hard skills são consideradas as habilidades técnicas de um colaborador. Normalmente, elas podem ser comprovadas por meio de diplomas, certificados, testes práticos, experiências prévias, entre outros.

Além disso, são facilmente preparáveis por meio de treinamentos, workshops, cursos, livros, etc.

Em resumo, as hard skills são as aptidões técnicas que um profissional deve ter para atuar em sua profissão.

Soft skills

O que são soft skills?
O que são soft skills?

Já as soft skills dizem respeito às habilidades sociocomportamentais dos colaboradores, sendo mais difíceis de quantificar e comprovar.

Por se tratarem das vivências pessoais de cada um, de suas habilidades mentais e capacidade de lidar com emoções (Inteligência Emocional), as soft skills não podem ser treinadas por meio de cursos ou workshops.

Assim, para identificar as soft skills de um candidato ou colaborador, é possível fazer dinâmicas de grupos, um bate-papo durante a entrevista ou na convivência diária. Além disso, há testes comportamentais que visam traçar um perfil do candidato que podem ser utilizados também.

Algumas das soft skills mais valorizadas no mercado hoje em dia são:

  • Comunicação interpessoal;
  • Proatividade;
  • Persuasão;
  • Liderança;
  • Capacidade de resolver conflitos;
  • Confiança;
  • Resiliência;
  • Organização;
  • Capacidade analítica.

Apesar de não serem facilmente treináveis como as hard skills, as soft skills podem ser desenvolvidas nos colaboradores, por meio de incentivos como leitura de livros de crescimento pessoal, sessões de terapia para incentivar o autoconhecimento dos trabalhadores, entre outros.

Soft skills e hard skills: principais diferenças

Indique sua empresa

O primeiro ponto importante a se pontuar é que uma não exclui a outra. Enquanto as hard skills são as habilidades técnicas que os profissionais desenvolveram ao longo de suas carreiras para que fosse possível o exercício de suas profissões, as soft skills são os fatores comportamentais que fizeram parte do desenvolvimento daquela pessoa em específico.

Assim, uma das principais diferenças entre as duas habilidades é que, enquanto uma é mensurável e facilmente treinável (hard skills), a outra dificilmente será mensurável e leva mais tempo para mudar hábitos de comportamento.

Apesar disso, muitas empresas já aderiram a formulários de mapeamento de perfis comportamentais para, de alguma maneira, chegar o mais perto possível de entender a personalidade dos candidatos antes da contratação.

A valorização das duas habilidades, e não de apenas uma, mostra o quanto as empresas estão preocupadas em contratar os melhores profissionais tecnicamente capacitados, mas que sejam hábeis em manter um bom clima organizacional e se dar bem com a equipe.

Qual a importância das soft skills e hard skills para a organização?

Mapear as principais habilidades técnicas e comportamentais dos colaboradores pode trazer diversas vantagens para a organização.

Por serem imprescindíveis para o desenvolvimento do trabalho, as hard skills são muito importantes para que os colaboradores da empresa cumpram suas atividades e metas. Além disso, algumas organizações têm optado por oferecer um orçamento mensal para desenvolvimento de seus funcionários por meio de cursos, palestras, livros ou eventos.

Já as soft skills são importantes para manter um bom clima organizacional dentro da empresa, além de reter futuros talentos dentro da própria empresa, no qual podem ser treinados para cargos de liderança no futuro, por exemplo.

Além disso, ter um profissional altamente capacitado em sua área, mas que não preserva nem respeita o bem-estar da equipe pode ser uma estratégia ruim a longo prazo, já que outros colaboradores podem querer sair da empresa, aumentando o turnover.

Assim, aliar as soft skills e hard skills pode ser uma estratégia eficiente a longo prazo para uma organização que pretende prosperar em seu setor, mantendo os colaboradores unidos e motivados. Verifique quais são as melhores habilidades técnicas e comportamentais de seus colaboradores e invista no seu capital mais importante: o ser humano. 

Acompanhe a TotalPass

Gostou do nosso estudo? Confira todos os nossos conteúdos nas redes sociais (Linkedin e Instagram) e veja dicas sobre atividade física, alimentação, bem-estar, saúde mental e nutrição.  

Confira também nosso canal no YouTube! A TPTV traz conteúdos exclusivos sobre gestão de equipes, liderança, saúde mental e qualidade de vida no trabalho, receitas, treinos e muito mais.

Para conhecer mais sobre os nossos planos e as redes parceiras, clique aqui.

#FocoTotalEmVocê

Agora tudo pode, Agora é TotalPass