A sua empresa tem o hábito de cobrar dos colaboradores atualização profissional, seja por meio de cursos ou especializações? Caso a resposta tenha sido sim, saiba que o incentivo ao estudo pode ser promovido internamente pelos cargos de alta gestão por meio de um benefício chamado auxílio-educação.

auxílio-educação
O auxílio-educação ajuda a promover o crescimento dos colaboradores

Embora não seja um benefício obrigatório, assim como o vale-transporte, por exemplo, é uma maneira de manter o time motivado, uma vez que seus líderes se importam com o crescimento profissional de seus colaboradores.

Ficou interessado(a) e quer incluir o auxílio-educação na sua empresa? Fique com a gente até o final para conhecer sobre esse benefício de grande importância para alavancar o crescimento de todos os profissionais e, é claro, da sua organização. 

O que é auxílio-educação?

Como o próprio nome diz, o auxílio-educação tem como finalidade ajudar o colaborador na hora de pagar o valor, seja ele integral e parcial, de tudo aquilo que diz respeito à educação, podendo ser curso, especialização e, em alguns casos, graduação ou pós-graduação. 

É um benefício corporativo bastante indicado para que os colaboradores se desenvolvam e aprimorem cada vez mais suas habilidades, competências e conhecimentos na área de atuação ou até mesmo para uma possível promoção no futuro. Ou seja, é uma forma de incentivar o crescimento profissional dentro e fora do ambiente de trabalho.  

Embora o crescimento e a busca pela capacitação seja de responsabilidade dos colaboradores, quando a empresa oferece um benefício que ajuda com os estudos, é uma maneira de implementar o aprendizado contínuo, ou seja, mostrar a importância de continuar estudando para estar atento às novidades e tendências.  

Qual a importância do auxílio-educação na empresa?

colaboradoras estudando por meio do auxílio-educação
Confira os benefícios do auxílio-educação

Uma empresa comprometida com os profissionais sabe que investir na educação dos colaboradores nunca é demais, pelo contrário, é uma maneira de contribuir com o crescimento profissional do time e, consequentemente, da própria organização. Entenda como este benefício contribui para os dois cenários:

Para a empresa 

No que diz respeito às vantagens para a empresa, o auxílio-educação é essencial para quem deseja trabalhar a retenção de talentos. Afinal, quando a organização valoriza o ensino, mostrando como aquilo contribuirá para o crescimento dentro da empresa, os colaboradores se sentem motivados e engajados, reduzindo a taxa de rotatividade

Já em relação à atração de talentos, vale lembrar que muitos profissionais estão em busca de empresas que oferecem benefícios para além do básico. Sendo assim, incluir o auxílio-educação, assim como o vale-cultura, é uma ótima estratégia para atrair novos candidatos, visto que se diferencia da concorrência em relação ao pacote de benefícios corporativos.

No aspecto da criatividade, da inovação e do conhecimento, quanto mais informados e estudados os colaboradores estiverem, maiores as chances das entregas serem diferenciadas, melhorando os resultados. 

Para os colaboradores

O custo com educação pode sair caro para o bolso das pessoas que trabalham na sua empresa, né? Sendo assim, ao incluir o auxílio-educação, é uma maneira de mostrar que apoia o estudo. Desse modo, os colaboradores se sentem mais motivados a trabalharem lá e, sobretudo, a darem o seu melhor na atividade, entregando resultados cada vez melhores. 

Além disso, o time se sente apoiado em ir atrás de novos conhecimentos para crescer profissionalmente, ou seja, todos se sentem valorizados, sendo essencial para criar o laço de fidelidade à empresa. 

No final das contas, ambas as vantagens estão atreladas, pois, tanto a empresa quanto os colaboradores, um depende do outro. Juntos, um ajudando o outro, podem crescer para serem melhores no mercado de trabalho

O vale-educação pode ser usado em quais locais?

mulher estudando on-line
O auxílio-educação pode ser usado em diversos lugares. Confira!

O auxílio-educação é um benefício corporativo versátil, podendo ser usado em todos os lugares que trabalham assuntos relacionados ao ensino e/ou à educação, seja no formato presencial ou virtual, como, por exemplo, aulas técnicas, graduação, pós-graduação, cursos profissionalizantes e/ou escolas de idiomas. 

Além disso, tratando-se de um benefício voltado ao conhecimento, ele também pode ser usado para custear o valor de livros e materiais educativos, como apostilas e videoaulas. Já para quem gosta de participar de eventos corporativos e feiras de negócios, visto que é uma oportunidade de estar em contato com profissionais de diversas empresas, estar por dentro de todas as tendências e novidades do setor e, sobretudo, criar novas conexões, o auxílio ajuda com o valor da inscrição, por exemplo.

Portanto, é um benefício bastante completo e dá a liberdade do colaborador usar como e onde quiser.  

Como oferecer o auxílio-educação na empresa?

Como explicamos ao longo deste artigo, o auxílio-educação é um benefício opcional, ou seja, pode ser ou não ser oferecido aos colaboradores. Por outro lado, considerando as vantagens para todos da organização, oferecê-lo é uma ótima estratégia. Mas, afinal, qual é o valor a ser oferecido? 

Antes de qualquer coisa, a empresa precisa decidir quantas vezes esse benefício será oferecido aos colaboradores, podendo ser mensal ou anual. Se optar pela segunda opção, por exemplo, o valor do auxílio-educação pode ser maior, podendo ser usado como o colaborador preferir, principalmente em cursos mais específicos, podendo custar mais caro.

Já para quem decidir oferecer esse benefício uma vez por mês, uma quantia menor poderá ser estipulada para o colaborador usar como preferir. Caso o valor exceda o benefício, será pago o restante do preço do próprio bolso. 

Geralmente, as empresas optam por reembolsar os colaboradores, portanto, após a compra do curso ou qualquer outro serviço voltado à educação, será preciso solicitar uma nota fiscal para ser reembolsado. O valor precisa ser igual para todos os funcionários, sem qualquer tipo de distinção por área ou cargo, combinado?  

Por isso, se você é RH ou dono(a) de alguma empresa e deseja incluir o auxílio-educação, procure se informar em relação às regras da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), combinado? Caso opte por aderir ao benefício, nós temos certeza que os seus colaboradores vão adorar e se sentirão valorizados. 

Falando em benefícios corporativos, a sua empresa já oferece o benefício TotalPass? Clique abaixo e descubra como o incentivo à prática de atividade física pode ajudar a levar mais qualidade de vida para todas as pessoas da sua empresa:

Indicar minha empresa